Operação prende policiais suspeitos de fraudar concurso da PM no Piauí

Os Policiais são acusados de fraudar concurso público da Polícia Militar realizado em 2014. Sete policiais foram presos até o momento, nos municípios de Teresina, Simões e São Luís do Maranhão.

Policiais são presos suspeitos de fraudar concurso público da PM. (Foto: Divulgação)

Na manhã desta terça-feira (13) a Delegacia de Combate à Corrupção e à Lavagem de Dinheiro (DECCOR), deflagrou a operação Fraudulenti, que tem como objetivo dar cumprimento a nove mandados de prisão a Policiais Militares acusados de fraude em concursos públicos. 

Os Policiais são acusados de fraudar concurso público da Polícia Militar realizado em 2014. Sete policiais foram presos até o momento, nos municípios de Teresina, Simões e São Luís do Maranhão. 

Em primeira etapa realizada do concurso, realizada em 2013, já havia sido verificada irregularidades na aplicação das provas. Com isso, a prova foi reaplicada em 2014. No entanto, em segunda aplicação, foi organizado venda de gabaritos e repasse de respostas para candidatos.  

Dê sua opinião:

Tags

Veja também: