Funcionários da Cepisa (Companhia Energética do Piauí) se concentraram na manhã desta terça-feira (19/03) em frente à Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi) para reivindicar pautas trabalhistas. Eles pedem a requisição de uma PEC do remanejamento, petição que foi aprovada em outros estados onde distribuidoras da Eletrobrás e Cepisa foram privatizadas. Eles querem o remanejamento de funcionários para o estado do Piauí. Funcionários da Cepisa se concentram em frente a Alepi e cobram remanejamento de funcionários. (Foto: Vitor Sousa/Portal O Estado)

Segundo o funcionário da Cepisa, Airton Novaes, a empresa demitiu funcionários do estado após privatização. "Queremos o remanejamento para o estado, funcionários capacitados e que tenham uma boa qualificação. E a gente entende que pode agregar junto ao estado do Piauí esse remanejamento", destacou o trabalhador. 

Ainda segundo Airton, alguns funcionários pediram demissão de antigos empregos para assumir cargos da Cepisa através de concursos públicos e foram demitidos. "São pais e mães de famílias que não vão ter o sustento de cada dia de seus filhos, de sua família", finalizou. 

Os manifestantes farão uma reunião para definir os próximos passos do movimento. Eles devem acionar o Ministério Público do Piauí e Ministério do Trabalho em busca da garantia de direitos.  

Dê sua opinião:

Tags