A Exposição “AH! SE ESSE BAIRRO FOSSE MEU.” é uma homenagem aos 30 anos do bloco de carnaval Barão de Itararé, do bairro Dirceu Arcoverde e ao seu grande idealizador, o saudoso líder popular, comunitário, e ex. vereador de Teresina, José Anselmo de Oliveira Dias – falecido em 19 de maio de 2014, aos 59 anos.  

As fotos que compõem a exposição revelam os diferentes momentos da trajetória política de Anselmo Dias, bem como a folia de Momo e alegria dos moradores do Grande Dirceu, através do Barã0 de Itararé.

A Exposição será inaugurada ao público nos dias 20 e 21 de fevereiro, terça e quarta-feira, das 9h às 16horas, na Câmara Municipal de Teresina. Posteriormente será exibida no Teatro João Paulo II, Espaço Cultural - Dirceu I e na Associação de Moradores do Itararé - AMI

ANSELMO DIAS, UMA BREVE PASSAGEM NO TEMPO:

Anselmo Dias, assistente social, casado com Firmina Sales, e pai de Rafael e Carolina, foi fundador da Associação de moradores do Itararé – AMI e idealizador do tradicional Bloco Barão de Itararé.

Com sensibilidade de se indignar com as injustiças sociais, Anselmo Dias se comprometeu com as causas populares, dedicando sua vida à luta na condução das reivindicações pela moradia popular e pela melhoria das condições de vida da população de Teresina, em particular do Bairro Itararé, onde viveu desde que chegou à capital do Piauí.

Sua ação política na região do Grande Itararé o levou à Câmara Municipal de Teresina, onde exerceu dois mandatos, eleito em 1996 e reeleito em 2000 pelo PCdoB, partido em que sempre militou desde o seu ingresso na política, ainda nos movimentos estudantil e comunitário, no início dos anos 80.

Além de sua atividade comunitária, também foi servidor público dedicado, na Fundação Municipal de Saúde.

Reconhecimento e Homenagens.

Anselmo Dias, nascido no Estado do Maranhão, se tornou um teresinense de fato e reconhecido por suas ações e dedicação à nossa cidade, se tornou cidadão de Teresina de direito, em ato do Poder Legislativo Municipal. Teve também, em um ato justo da Prefeitura de Teresina, seu nome gravado em obras pelas quais ele sempre lutou, como a Ponte Anselmo Dias, e o Centro Comunitário Anselmo Dias, no residencial Dom Helder e a rua que também leva seu nome. Esses gestos do poder público, evidenciam a sua relevância para a cidade, sua  liderança e a luta de um cidadão que se dedicou à construção de uma vida digna para os teresinenses, em especial para aqueles que vivem na periferia da capital, enfrentando as dificuldades próprias das injustiças, da exclusão social e das mazelas próprias do crescimento desordenado das grandes cidades do Brasil.

Sua trajetória e sua luta são marcas indeléveis na mente e no coração daqueles que acreditam numa sociedade mais justa!

Anselmo vive! Anselmo, presente!

BLOCO DE CARNAVAL BARÃO DE ITARARÉ, 30 ANOS DE SAMBA, RESISTÊNCIA E CULTURA POPULAR!

O Bloco surgiu em 1989, fruto da necessidade de espaços e ações culturais na região, em especial a ausência de carnaval de rua nos bairros. Nisso o Barão de Itararé, é pioneiro em Teresina. Tendo à frente militantes comunistas e dirigentes da Associação de Moradores do Itararé – AMI e, sob a inspiração de Anselmo Dias, nasceu em 1989 0 Bloco Carnavalesco Barão de Itararé. Desde então em consonância com a conjuntura e as reivindicações populares o Barão de Itararé sai às ruas todos os anos, portando bandeiras que expressam as lutas e as esperanças do povo teresinense. Assim, nesses 30 anos, já levou para as ruas de Teresina denúncias contra o famigerado FMI, contra as PRIVATIZAÇÕES, em defesa da PAZ, contou a história do MOVIMENTO ESTUDANTIL, condenou o PRECONCEITO, denunciou a o DESEMPREGO e a EXCLUSÃO SOCIAL e sonhou com  um bairro digno para o povo que vive na periferia com o samba que repete esse ano: Ah!, Se esse bairro fosse meu

Esse é o Barão de Itararé! Adotando o humor refinado do jornalista, chargista, comunista e critico ácido dos males do capitalismo, Apparício Torelly que, ironicamente auto-intitulou-se  Barão de Itararé, nosso bloco se caracteriza pela irreverência e alegria sem perder a ousadia e o senso crítico.

A concentração do bloco ocorre em dois dias do carnaval, sempre às 18h, na avenida principal do bairro Dirceu Arcoverde. Além dos moradores do bairro, toda a população de Teresina é convidada a desfilar junto com o Barão de Itararé, seja com os abadás personalizados do bloco ou com as criativas fantasias criadas pelo povo, uma vez que o bloco tem como sua essência a inclusão social.

Todas essas características fazem do Barão de Itararé uma festa irresistível para todos que sentem a harmonia que envolve esse glorioso Bloco carnavalesco, símbolo de luta, resistência e defesa da cultura popular.

Olha o Barão aí gente!

Dê sua opinião:

Tags